TV CÂMARA

Contador de Visitas

Visitas

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Eleição para governador em 5 estados

Ibope: Em SC, Raimundo Colombo (PSD) tem 43% e Paulo Bauer (PSDB), 19%O atual governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD) lidera a corrida eleitoral no Estado, de acordo com pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira.


Intenção de voto

GOVERNADOR SC


Raimundo ColomboPSD

43

Paulo BauerPSDB

19

Cláudio VignattiPT

7

Afrânio BoppréPSOL

1

Gilmar SalgadoPSTU

1

Janaina DeitosPPL

1

Outros

0

Brancos e nulos

10

Indecisos

17
Segundo o instituto, que ouviu 812 eleitores em 45 municípios entre os dias 25 e 27 de agosto, Colombo tem 43% das intenções de voto. Em segundo lugar aparece Paulo Bauer (PSDB), com 19%, seguido por Cláudio Vignatti (PT), com 7%. Já os candidatos Afrânio Boppré (PSOL),  Gilmar Salgado (PSTU), e Janaina Deitos (PPL) têm 1% cada. Elpídio Neves (PRP) e Marlene Soccas(PCB) não chegaram a 1% cada.
Na pesquisa anterior realizada pelo instituto, em julho, Raimundo Colombo tinha 40%, Paulo Bauer aparecia com 10%, Cláudio Vignatti com 6% e Afrânio Boppré com 4%. Elpídio Neves, Gilmar Salgado e Janaina Deitos tinham 2% cada um, e Marlene Soccas figurava com 1%. 
Pela pesquisa divulgada nesta quinta, se a eleição fosse hoje, o governador seria reeleito no primeiro turno. Ainda assim, o Ibope simulou um eventual segundo turno entre Colombo e o candidato tucano. Neste cenário, o governador venceria por 46% a 24%. Brancos e nulos somaram 11%. Não quiseram ou não souberam responder 18% dos entrevistados.
A margem de erro do levantamento é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa encomendada pelo Grupo RBS está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) sob o número SC-00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 
Fonte: Portal UOL


Ibope: No RN, Henrique Alves (PMDB) tem 40%, e Robison Faria (PSD), 28%

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (28) aponta a liderança de Henrique Eduardo Alves (PMDB) na disputa pelo governo do Rio Grande do Norte.
Segundo o levantamento encomendado pela emissora de televisão Inter TV Cabugi (afiliada da Rede Globo no Estado), o presidente da Câmara dos Deputados obteve 40% das intenções de voto, enquanto o vice-governador Robinson Faria (PSD) registrou 28%.
Os candidatos Simone Dutra (PSTU) e Robério Paulino (PSOL)  aparecem na pesquisa com 2% cada um. Araken Barbosa Farias (PSL) registrou 1%
Os votos brancos e os nulos somaram 17% e indecisos, 10%. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O levantamento ouviu 812 pessoas, entre os dias 25 e 28 de agosto.
Segundo o Ibope, o nível de confiança é estimado em 95%, A pesquisa foi registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o protocolo RN-00016/2014.

Pesquisa anterior

Esta é a segunda pesquisa Ibope divulgada no Rio Grande do Norte para medir as intenções de voto da população ao governo do Estado e aos candidatos ao Senado Federal.
No primeiro levantamento, Henrique Eduardo Alves (PMDB) apareceu com 36% e Robinson Faria (PSD) com 21%. Simone Dutra (PSTU) obteve 2% e Robério Paulino (PSOL), 1%. Araken Barbosa Farias (PSL) não pontuou. Brancos e nulos somaram 27% e indecisos, 11%.

Rejeição

A pesquisa mediu a taxa de rejeição dos candidatos ao governo do Estado (em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum).
A maior rejeição é a do candidato Henrique Eduardo Alves (PMDB) com 29%; em seguida vem Araken Farias (PSOL), com 28%; em terceiro lugar está Robinson Faria (PSD) com 26%, e em quarto está Simone Dutra (PSTU), com 22%.
O candidato Robério Paulino (PSOL) é o menos rejeitado, com 18%.
O levantamento apontou ainda que 18% dos entrevistados declararam que poderia votar em todos os candidatos, enquanto 17% não sabem ou não responderam em quem votariam.

Disputa pelo Senado

A disputa ao Senado Federal tem um empate técnico entre duas candidatas: a vice-prefeita de Natal, Wilma Faria (PSB), pontuou com 35% das intenções de voto, contra os 34% da deputada federal Fátima Bezerra (PT).
Roberto Ronconi (PTC) e Ana Célia (PSTU) registraram 2% das intenções de voto cada um, enquanto Porfessor Lailson (PSOL) marcou 1%.
Os votos nulos e brancos somaram 17% e os indecisos foram 9%.
Na pesquisa anterior, Wilma Faria (PSB) obteve 39% das intenções de voto; Fátima Bezerra (PT) marcou 29%. Roberto Ronconi (PTC) 3% e Ana Célia (PSTU), 2%. Votos brancos e nulos somaram 20% e indecisos, 8%.

Avaliação do atual governo

A pesquisa Ibope apontou ainda que 69% dos entrevistados não estão satisfeitos com a a administração da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). 55% dos entrevistados classificaram como "péssimo" e 14% "ruim". Já 22% apontaram como "regular". 4% avaliam o governo como "bom", 2% declararam como "ótimo". 3% não sabe/não respondeu.
O Ibope questionou ainda se o eleitor "aprova" ou "desaprova" a maneira de Ciarlini adminsitrar o Rio Grande do Norte. O levantamento apontou que 80% desaprovam, 13% aprovam, e 7% não responderam.
A atual governadora potiguar não concorre à reeleição em outubro. Sua candidaturafoi vetada pelo partido Democratas em junho --em votação, a sigla decidiu abrir mão da candidatura própria para fortalecer a chapa proporcional e ampliar a aliança com outras legendas.
Rosalba obteve a pior avaliação entre os governadores do Brasil, segundo a pesquisa CNI/Ibope divulgada em dezembro de 2013. Fonte: Portal UOL

Alckmin lidera intenções de voto e seria reeleito no 1º turno em SP, diz Ibope

O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), seria reeleito para mais quatro anos de mandato ainda no primeiro turno caso as eleições fossem hoje.
Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (26) indica que o tucano manteve os 50% das intenções de voto indicado na primeira pesquisa do instituto, divulgada no final de julho.
Quem mais subiu na pesquisa, contudo, foi o candidato do PMDB, o presidente licenciado da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), Paulo Skaf, que saiu de 11% para 20%. Já o candidato do PT, o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha, manteve os 5% da última pesquisa.
Na sequência da pesquisa, aparecem Gilberto Natalini (PV), Raimundo Sena (PCO) e Laércio Benko (PHS), cada um com 1%. Não pontuaram Wagner Farias (PCB), Gilberto Maringoni (PSOL) e Walter Ciglioni (PRTB). Brancos e nulos ficaram em 10%, e 11% dos entrevistados ainda não sabem em que votar.
Na pesquisa espontânea, Alckmin também aparece bem na frente dos adversários, com 29% das intenções de voto. Nesse quesito, Skaf aparece com apenas 9%, e Padilha tem só 3%. Brancos e nulos ficam com 14% e 44% não sabem em quem votar.
Segundo turno e rejeição
Na simulação de segundo turno feita pelo Ibope, Alckmin levaria a eleição com 55% das intenções de voto, contra 28% de Skaf. Os brancos e nulos seriam 9% — outros 9% disseram não saber ou não responderam.
O Ibope também apontou a rejeição dos candidatos. A maior rejeição é do petista Alexandre Padilha, que tem 26% — na última pesquisa, a rejeição do petista era de 19%. Na sequência aparecem Alckmin, com 19% de rejeição, Skaf com 12%, Sena (9%), Benko (8%), Natalini (7%), Maringoni (7%), Farias (7%) e Ciglioni (5%).
Avaliação de governo
Segundo o Ibope, 41% disseram que a administração dele é "ótima ou boa" — a última pesquisa apontava percentual de 40% de ótimo ou bom. Outros 36% disseram que a avaliação do governo Alckmin é regular, dois pontos percentuais a menos do que os 38% da última pesquisa. Os que dizem que é “ruim ou péssima” somam 19%, mesmo percentual do levantamento anterior.
Também foi perguntado se o entrevistado aprova ou desaprova a maneira de Alckmin governar Sâo Paulo: 56% disseram que aprovam, enquanto 32% afirmaram desaprovar.
A pesquisa foi realizada entre os dias 23 e 25 de agosto, depois do início do horário eleitoral gratuito de televisão e rádio, iniciado no dia 19 deste mês. Foram entrevistados 1.512 eleitores em 79 municípios do Estado de São Paulo. 
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e sua margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O levantamento está registrado no TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) com o número SP-00017/2014 e no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob protocolo número BR-00419/2014. Fonte: Portal R7

Ibope: Pimentel (PT) dispara em pesquisa de intenção de voto para o governo de MG


Ex-ministro de Dilma, candidato do PT aparece com 37%, contra 23% de Pimenta da Veiga (PSDB)
Após o início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão, o candidato do PT ao governo de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), disparou na liderança nas intenções de voto para comandar o Estado, segundo pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (26).
O petista tem 37% da preferência, enquanto seu principal rival, Pimenta da Veiga (PSDB), tem 23%. O candidato do PSB, Tarcísio Delgado, aparece em terceiro lugar com 3% do total. Cleide Donária (PCO), Eduardo Ferreira (PSDC), Fidélis (PSOL) e Professor Túlio Lopes (PCB) marcaram 1% cada.
Os votos brancos e nulos totalizam 11%, enquanto os eleitores indecisos são 22%.
Em relação à pesquisa de julho do Ibope, Pimentel melhorou sua percepção entre o eleitorado, já que havia marcado 25% naquela ocasião. Já Pimenta da Veiga havia registrado 21% da preferência. O candidato do PSB manteve a mesma marca da pesquisa anter
Encomendada pela TV Globo, a pesquisa ouviu 1.806 eleitores entre os dias 23 e 25 de agosto. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número MG-00069/2014.
2º turno
O levantamento do Ibope também simulou um eventual segundo turno entre os candidatos Fernando Pimentel e Pimenta da Veiga. O petista teria 42%, contra 26% do tucano. Os votos brancos, nulos e eleitores indecisos totalizam 11%. Os eleitores que não sabem em quem votariam no segundo turno são 21%.
Rejeição
O Ibope também quis saber em quem o eleitor não votaria de jeito nenhum: 11% dos eleitores não votariam em Pimentel de jeito nenhum. Pimenta da Veiga (PSDB) tem rejeição de 14%. Fidelis tem 9% de rejeição, Tarcísio Delgado (PSB) possui 8% e Cleide Donária e Professor Túlio Lopes com 7% cada.
Eduardo Ferreira tem 6% de rejeição. Os eleitores que não rejeitam ninguém somam 28% e os que não sabem ou não responderam são 36%.
Senado
A corrida ao Senado, o ex-governador de Minas Gerais Antonio Anastasia (PSDB) lidera com 45% das intenções de voto — o tucano tinha 38% da preferência na última pesquisa Ibope.
Em segundo lugar, está o candidato Josué Gomes (PMDB), que tem 10% — o peemedebista tinha 7% na pesquisa anterior — e Margarida (PSB) tem 2%.
Os candidatos Edilson Nascimento (PTdoB), Geraldo Batata (PSTU), Graça (PCO), Pablo Lima (PCB) e Tarcísio (PSDC) marcaram 1% cada. Os votos brancos e nulos totalizam 13% e os eleitores que não sabem são 26%. Fonte: Portal R7

No RJ, Garotinho tem 28%, Pezão, 18% e Crivella, 16%, diz Ibope 

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (26) mostra Anthony Garotinho (PR) com 28% das intenções de voto na corrida para governador do estado do Rio. O governador Luiz Fernando Pezão(PMDB), candidato à reeleição, aparece com 18% seguido do senador Marcelo Crivella , com 16%. O petista Lindberg Farias tem 12% das intenções de voto. Brancos e nulos somaram 15%; não souberam ou não responderam 6% dos entrevistados.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):
Anthony Garotinho (PR) – 28%
Luiz Fernando Pezão (PMDB) –  18%
Marcelo Crivella (PRB) -  16%
Lindberg Farias (PT) –  12%
Tarcísio Motta (PSOL) – 3%
Dayse Oliveira (PSTU) – 1%
Ney Nunes (PCB)  - 1%
Brancos e nulos – 15%
Não sabem ou não responderam -  6%
Realizada nos dias 23 a 25 de agosto de 2014, a pesquisa entrevistou 1.204 eleitores. A margem de erro estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de três pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. Fonte: G1


0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More