TV CÂMARA

Contador de Visitas

Visitas

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Icapuí decreta estado de calamidade pública após chuva de 209 mm


Icapuí
O município de Icapuí, a 200 km da Capital, decretou estado de calamidade pública depois da chuva de 209 mm que caiu nas últimas 24h na cidade. De acordo com Jerônimo Reis, prefeito do município, apesar dos estragos materiais terem sido bastante significativos, não houve vítimas.Fotos: Divulgação
Choveu na cidade, em 24h, mais do que era esperado para o mês inteiro pela Fundação Cearense de Metereologia e Recursos Hídricos (Funceme). A previsão para os 31 dias de maio era de 130 mm. Segundo ele, a prefeitura da cidade está trabalhando em parceria com a Defesa Civil para ter uma real noção da situação do município. "Foram abertas muitas crateras nas estradas", comentou o gestor.
De acordo com a Funceme, essa foi a maior chuva do ano no Ceará. O prefeito disse estar buscando recursos junto ao Governo do Estado para prestar o auxílio necessário à população e à estrutura da cidade que ficou comprometida.
Quadra chuvosa
De acordo com o metereologista Leandro Valente, as chuvas no Estado são um reflexo da influência da Zona de Convergência Intertropical, fenômeno causador das principais precipitações durante a quadra chuvosa, que vai de fevereiro a maio deste ano.
No Estado inteiro, 109 dos 184 municípios registraram chuva. Os maiores índices foram aferidos em Icapuí (209 mm), Jaguaruana (75 mm), Fortim (75 mm), Quixadá (59 mm) e Pindoretama(52 mm). Na Capital foram registrados 46 mm.
Raios
No fim da tarde de quarta (14) os fortalezenses viveram um dia bastante atípico, com céu nublado, raios e trovões. Apesar das precipitações não terem sido significativas, a quantidade de descargas foi considerável. Somente na Capital e na Região Metropolitana, durante o dia, foram apontados 14 raios, dos 656 registradas no Estado do Ceará. 
Icapuí
Fonte: Diário do Nordeste

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More