TV CÂMARA

Contador de Visitas

Visitas

quarta-feira, 11 de março de 2015

Basquete: Conquista histórica

Invicto e com 28 vitórias consecutivas, Basquete Cearense levanta a taça do maior campeonato de base do Brasil

Image-0-Artigo-1813323-1
Os jogadores e a comissão técnica do Basquete Cearense comemoram bastante até com champagne o título inédito do primeiro time nordestino a se sagrar campeão de uma competição nacional de basquete
FOTO: FABIANE DE PAULA
Ontem, o Ginásio Paulo Sarasate e a torcida cearense testemunharam um fato histórico. O Basquete Cearense foi campeão da Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB). O título inédito veio diante do Flamengo, atual campeã da Competição, por 63 a 58, em um jogo acirrado.
Destaque durante toda a campanha vitoriosa no Campeonato, o armador Davi Rosseto mais uma vez fez a diferença. O atleta marcou 29 pontos, 15 deles de lances livres, foi o cestinha da partida e comandou a equipe na virada diante dos rubros negros.
Os cariocas até incomodaram, mas não o suficiente para deter a força da equipe do treinador Flávio Soares, o Espiga.
"A equipe lutou e essa conquista, para um time que nasceu há pouco tempo, é demais. Emoção é a palavra", desabafou Espiga.
O jogo foi difícil. O Flamengo começou avassalador. Nos primeiros dez minutos de partida, a equipe rubro negra chegou a abrir 10 pontos de vantagem e calou a torcida presente no ginásio. Porém, as poucos o time cearense foi reagindo, principalmente com os arremessos certeiros de Davi Rosseto. No fim do primeiro quarto, mesmo reagindo, o time cearense terminou em desvantagem no placar: 18 x 13 para os cariocas.
Voltando para o segundo quarto, a situação da partida começou a mudar. Conseguindo impôr mais seu ritmo e as bolas de três do ala Taddei começando a entrar, o Cearense virou e terminou na frente no fim do primeiro tempo.
No segundo tempo, o Basquete Cearense seguiu em vantagem no placar e não saiu mais. Mesmo com as cestas do pivô flamenguista Felício que marcou 19 pontos na partida. Depois, foi só levantar troféu de campeão invicto.
Eleito o jogador mais valioso da Final (MVP), Davi Rosseto exaltou a forma como o esporte está sendo realizado no Estado. "O basquete aqui no Ceará não é diferente do praticado em São Paulo. Falta mais investimento. Vamos fazer de tudo para esse título não ficar só na base", destacou o atleta.
Essa é a apenas a segunda participação do Basquete Cearense sub-22 na Liga Nacional.
O triunfo garante também o primeiro triunfo de um time nordestino campeão de uma competição nacional de basquete.
Fonte:http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More